Banqueiros e a montadora Ford Motor Company, se beneficiam de recursos públicos e viram as costas para a população, causando desemprego e impactos negativos na economia

*Troad

O fechamento de três fábricas da Ford neste ano vai deixar 5 mil trabalhadores sem emprego. Porém a margem de lucro das montadoras no Brasil é o triplo da praticada nos Estados Unidos. Para abrir filiais no País, a maioria recebe subsídios do governo e isenção de impostos durante alguns anos, além de linha de crédito do BNDEs.

Entretanto, até novembro/2020, relatório do Banco Central revelava que os banqueiros brasileiros haviam fechado 1.444 agências em todo o País. De 2013 a 2019, os banqueiros brasileiros mandaram embora 72.500 funcionários!

Agências

A Caixa Econômica cortou 3.896 funcionários nos últimos 12 meses. De 2014 a 2019, o número de demitidos na Caixa atingiu 17 mil trabalhadores.

O Bradesco, até setembro/2020, fechou 772 agências, e demitiu 700 funcionários, seguido pelo Itaú, que abaixou as portas de 203 filiais. O Banco do Brasil anunciou neste início de ano que vai colocar na rua cerca de 5 mil bancários e fechar inúmeras agências.

O espanhol Santander cortou 4.335 empregos, segundo dados do Ministério da Economia. De 2013 a 2019, os banqueiros cortaram 26% a mais de vagas até o final do ano passado.

Se colocar os empregos indiretos que sofreram com os cortes, o número de desempregados gerados pelos bancos é alarmante.

Lucro

No terceiro trimestre de 2020, os lucros dos quatro principais bancos do País (Bradesco, Banco do Brasil, Itaú e Santander) somaram R$ 17,4 bilhões. Este resultado representa alta de 29% em relação ao 2º trimestre de 2019. Independente do governo, esquerda ou direita, os bancos mantém lucratividade em alta, mesmo em período de pandemia.

Opinião

Essa deve ser a pauta do
Movimento Sindical Brasileiro

Com união, e contrários a decisão da direção da Ford, devemos iniciar imediatamente a campanha #nãocompreford.

Como Lideranças Sinciciais e também consumidoras, não podemos nos limitar em só cobrar da direção da Ford, temos e devemos iniciar uma Grande Mobilização contra os abusos dos bancos que utilizam recursos públicos.

Outro ponto importantíssimo que deve ser discutido é a questão da falta de segurança privada nas agencias bancárias que possuem atendimento nos caixas eletrônicos que ficam no interior das agencias. Essa ausência de seguranças acaba repassando a responsabilidade de zelar pela segurança e integridade física de seus clientes, para as Polícias Militar e Civil.

É importante lembrar que, os patrimônios dos banqueiros estão protegidos, pois o grande padrinho chamado Banco Central é fiador deles. E não para por ai, também estão usando dinheiro público para fazer negócios com clientes endividados.

O Movimento Sindical precisa cobrar dos banqueiros, e exigir que os governos adotem medidas corretivas em relação aos abusos praticados pelos bancos no Brasil, tanto em relação aos juros cobrados dos clientes pessoas física e jurídica como também, em relação ao desemprego que estão causando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Please copy the string 3DHU76 to the field below: